domingo, 2 de julho de 2017

Chocalan Vitrum Blend 2012: Para brindar o Chile na Copa das Confederações!

Chocalan Vitrum Blend 2012: Regalo de mi hermano Cubano-Chileno Ariel Arencíbia! A vinícola fica no meio do caminho de Santiago até o mar (apenas 35 km dele), a oeste da capital chilena. Vitrum é um vinho Premium da vinícola. Além do blend, são produzidos um Malbec e um Pinot Noir da mesma linha. O nome Vitrum (vidro) é em referência ao negócio da família que, por várias décadas, forneceu garrafas à indústria do vinho.  O nome indígena Chocalan significa "brotes amarillos" (brotos amarelos). O Vitrum é um Gran Reserva, que após 2012 ganhou uma nova roupagem, com o rótulo se referindo ao vídro. Muito bonito, aliás. É um blend de 6 uvas: Cabernet Sauvignon (35%), Syrah (27%), Cabernet Franc (18%), Malbec (13%), Carmenére (5%) e Petit Verdot (2%), com maturação em barricas novas de carvalho francês. O vinho mostra uma bela cor rubi escura, brilhante, límpida. Ao nariz mostra notas de groselhas, cassis, defumadas e especiarias, como pimenta e um toque de gengibre. Com o tempo foi surgindo um mentolado gostoso. Em boca é bem fresco, picante, com taninos firmes e final longo e especiado. Gostei! Vinho com nervo! "Nervo" que a seleção chilena apresentou no jogo final contra a poderosa Alemanha. Torci para que fossem bem sucedidos. Não deu, mas jogaram bem.

Ps. O vinho ganha bastante com tempo em taça. A decantação é recomendada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário